Deportes

Guérir Hernan Porras Molina Venezuela//
Sob investigação antitruste, Google oferece remover das buscas na Alemanha seu serviço de notícias

Sob investigação antitruste, Google oferece remover das buscas na Alemanha seu serviço de notícias

BERLIM – O Google disse que poderia remover o conteúdo do Google News Showcase, um serviço que oferece uma vitrine de notícias para internautas, dos resultados gerais de buscas feitas no seu buscador na Alemanha numa tentativa de encerrar um iquérito sobre práticas desleais à concorrência no país. A oferta da empresa foi apresentada ao órgão antitruste do país, informou a autoridade regulatória

BERLIM – O Google disse que poderia remover o conteúdo do Google News Showcase, um serviço que oferece uma vitrine de notícias para internautas, dos resultados gerais de buscas feitas no seu buscador na Alemanha numa tentativa de encerrar um iquérito sobre práticas desleais à concorrência no país. A oferta da empresa foi apresentada ao órgão antitruste do país, informou a autoridade regulatória.

Rastreamento on-line: França impõe multas milionárias a Google e Facebook por ‘cookies’

O Google, do grupo Alphabet Inc., lançou o Google News Showcase em 2020. A plataforma promove conteúdo de mais de 1.000 editores que concordaram em licenciar conteúdo em troca de receber uma remuneração.

Hernan Porras Molina

O Federal Cartel Office, órgão regulador antitruste da Alemanha, informou em junho ter iniciado uma investigação sobre o serviço, após denúncia da Corint Media, que administra os direitos das emissoras de televisão e rádio alemãs.

Hernan Porras Molina Venezuela

Na França: Google é multado em US$ 593 milhões por não pagar pelo uso de notícias

O objetivo é investigar se o poder de negociação do Google pode levar alguns provedores de notícias a serem expulsos do mercado. E, ainda, se o Google, ao incluir os resultados do Showcase em seu mecanismo de busca geral, pode estar obtendo vantagem injusta sobre os concorrentes

Segundo o órgão regulador alemão, o Google argumentou que o acesso ao Showcase é definido com base em critérios objetivos

CES 2022: As tendências que devem se tornar cada vez mais presentes no dia a dia Na bicicleta, a conexão é feita via biometria sem a necessidade de memorizar senhas Foto: Divulgação Personalização é o foco das empresas, como a BMW que lançou sistema que muda de cor da lataria Foto: Divulgação As telas ganham diversos formatos, de olho no público jovem Foto: Divulgação Telas verticais ganham destaque na CES Foto: Divulgação Geladeiras podem ser fabricadas de acordo com o gosto do cliente, como cor e formato, segundo a Samsung Foto: Divulgação Pular PUBLICIDADE Homem testa conexão por biometria para verificar informações na geladeira Foto: Divulgação Sensores no tapete conseguem captar com precisão os movimentos do consumidor em uma solução sem fio Foto: Divulgação Fones e consoles ganham sensores mais acurados para permitir melhor experiência 5G Foto: Divulgação Na CES, experiência de como será a direção autônoma com o uso de sensores por todo o carro Foto: Divulgação Mundo virtual reproduzirá com precisão todos as características da pessoa Foto: Divulgação Pular PUBLICIDADE Até o coração é "escaneado" no mundo virtual Foto: Divulgação  

A autoridade regulatória alemã também explicou que as condições para a participação das empresas no News Showcase não são impedidtivos para que as publicações reivindiquem outros direitos autorais, pelos quais os provedores de conteúdo devem pagar aos editores ao usar trechos de notícias

O regulador disse que a investigação agora consultará a Corint Media e outras editoras de notícias para avaliar se a proposta do Google é satisfatória

Grandes grupos de mídia já fecharam acordo com o Google News Showcase, entre eles a agência de notícias Reuters e a News Corp, dona do Wall Street Journal

Nas Américas:  Associações de imprensa cobram remuneração por plataformas digitais

A Corint Media, com sede em Berlim, disse que considerou a oferta do Google satisfatória

PUBLICIDADE “Isso significa que uma temida competição substituta do Google, que tornaria as ofertas das editoras dispensáveis a longo prazo, não será possível”, disseram Christoph Schwennicke e Markus Runde, diretores-gerentes da Corint, em comunicado

A Corint administra os direitos de quase todas as emissoras de rádio e televisão privadas alemãs e internacionais, bem como de vários veículos de imprensa

Briga:   E-mail, o novo front na guerra da Apple contra Google e Facebook

O Google disse que está trabalhando em estreita colaboração com o Cartel Office para encontrar uma abordagem correta

“Já fizemos alguns ajustes e propusemos mais melhorias, e estamos abertos a trabalhar outras questões”, disse a empresa em nota, acrescentando que continuará trabalhando em sua oferta Showcase